26 Setembro, Terça, 2017
A- A A+

Buscar Linhas

Nilson Roberto de Barros Carneiro

Nacionalidade: Brasileira

FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Pós Graduação Lato Sensu em Engenharia de Transportes – USP – Universidade de São Paulo, concluído em 1999.

Arquiteto e Urbanista - UBC - Universidade Braz Cubas, concluído em 1980.

Tecnólogo em Construção Civil,  FATEC – Faculdade de Tecnologia de São Paulo – UNESP, concluído em 1975.

EMPRESAS PÚBLICAS E PRIVADAS

CONTROLADORIA DO TRANSPORTE DE ARARAQUARA

Diretor Presidente, a partir de fevereiro de 2017.

COORDENADORIA EXECUTIVA DE MOBILIDADE URBANA

Coordenador, a partir de fevereiro de 2017.

COMPANHIA TROLEIBUS DE ARARAQUARA S/A - CTA

Diretor Presidente, a partir de janeiro de 2017.

SÃO PAULO TRANSPORTES S/A– SPTrans

Gerente de Implantação, de 2015 a 2016.

COMPANHIA DE ENGENHARIA DE TRÁFEGO S/A – CET

Gerente de Estudos Especiais, de 2013 a março de 2015.

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO CARLOS

Secretário de Transportes e Trânsito, de 2009 a 2012.

COMPANHIA TROLEIBUS DE ARARAQUARA S/A - CTA

Diretor Presidente, de 2004 a 2008.

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARARAQUARA

Coordenador de Trânsito e Transportes, de 2001 a 2008.

TRAFEGAR ENGENHARIA Ltda.

Consultor, de 1999 a 2000.

TRIÂNGULO DO SOL AUTOESTRADAS S/A.

Gerente de Tráfego, de 1998 a 1999.

ATOMst - ALTA TECNOLOGIA EM OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO DE SISTEMAS DE TRANSPORTE Ltda.

Consultor, de 1996 a 1998.

CONSULTRAFFIC ENGENHARIA E ARQUITETURA Ltda.

Diretor, de 1994 a 1996.

INSTITUTO NACIONAL DE SEGURANÇA NO TRÂNSITO

Consultor, de 1990 a 1993.

PROTAN ENGENHARIA Ltda.

Consultor, desde 1986.

CIA SANTISTA DE TRANSPORTES COLETIVOS S/A- CSTC

Assessor de Diretoria, em 1992.

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTOS

Diretor de Trânsito, de 1989 a 1992.

CIA MUNICIPAL DE TRANSPORTES COLETIVOS S/A – CMTC

Analista Sênior, 1988.

CIA DE ENGENHARIA DE TRÁFEGO S/A – CET

Coordenador de Tráfego, de 1976 a 1988.

CIA DO METROPOLITANO DE SÃO PAULO S/A – METRÔ

Especialista em Transportes, em 1976.

SONDOTÉCNICA ENGENHARIA DE SOLOS S.A.

Tecnólogo, 1975.

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

SPTrans – SÃO PAULO TRANSPORTES S/A

Prefeitura Municipal de São Paulo/Secretaria Municipal de Transportes

  • Gerenciamento de obras viárias de melhoria da mobilidade urbana, com investimento de 50 milhões de reais nos seguintes locais:

üAmpliação do Terminal Varginha;

üAmpliação do Terminal Grajaú;

üDuplicação da Estrada do Alvarenga;

üDuplicação da Avenida Nordestina;

üDuplicação da Av. Abel Tavares;

üConstrução da ciclovia da Av. Paulista, Av. Bernardino de Campos, Av. São João, Av. Amaral Gurgel, Rua Mário de Andrade e Av. Auro S. Moura Andrade.

CET – COMPANHIA DE ENGENHARIA DE TRÁFEGO

Prefeitura Municipal de São Paulo/Secretaria Municipal de Transportes

  • Gerenciamento de análise e estudos dos polos geradores de tráfego no Município de São Paulo (em torno de 300 empreendimentos).
  • Gestão de 200 empreendimentos envolvendo projeto e implantação das medidas mitigadoras, com investimentos dos empreendedores na ordem de 145 milhões de reais no ano de 2014.

SMTT – SECRETARIA MUNICIPAL DE TRÂNSITO E TRANSPORTES

Prefeitura Municipal de São Carlos

  • Implantação do sistema de Monitoramento via GPS/GPRS do transporte coletivo urbano municipal envolvendo 110 ônibus.
  • Implantação do sistema via celular e GPS para verificação pelos deficientes visuais dos horários de chegada dos ônibus nos pontos de embarque do transporte coletivo urbano, projeto esse pioneiro no Brasil.
  • Implantação da central de monitoramento dos semáforos em operação no município, possibilitando o sistema de onda verde na área central e nos principais corredores de tráfego.
  • Ampliação da frota de ônibus urbano, sendo utilizados veículos de três portas com elevadores adaptados para os deficientes físicos.
  • Gestão de todo o transporte escolar em área rural e urbana para a Secretaria Municipal de Educação.
  • Gestão da manutenção de toda a frota de veículos e máquinas de terraplanagem e pavimentação do município.
  • Gestão da operação do trânsito referente à frota de aproximadamente 120 mil veículos.
  • Análise de PGT – Polos Geradores de Tráfego dos grandes empreendimentos a serem instalados no município, como: Shopping, Universidade, loteamentos, conjuntos habitacionais, etc.

CTA – COMPANHIA TROLEIBUS DE ARARAQUARA

Prefeitura Municipal de Araraquara

  • Transformação jurídica da empresa de privada para empresa pública de capital misto.
  • Incorporação, gestão e operação de todo o sistema municipal de trânsito, com os recursos do Fundo Municipal de Trânsito.
  • Planejamento de todo o sistema de transporte coletivo por ônibus operados pela CTA, envolvendo 30 linhas urbanas, com 101 ônibus.
  • Projeto e processo licitatório para contratação de empresa de transporte urbano para a complementação das linhas municipais, envolvendo 7 linhas urbanas com 25 ônibus.
  • Desenvolvimento do PDTT – Plano Diretor de Trânsito e Transportes e Mobilidade Urbana de Araraquara, através da empresa SISTRAN Engenharia, com recursos obtidos no Ministério das Cidades.
  • Implantação do Sistema de Bilhetagem Eletrônica com integração aberta em todo o sistema de ônibus urbano.
  • Renovação da frota com a compra de 34 novos ônibus.
  • Implantação do serviço de transportes de deficientes físicos com a compra de 1 van e 3 micro-ônibus adaptados.
  • Reforma do Terminal Central de Integração, envolvendo melhoria da acessibilidade com rampas, piso tátil e construção de sanitários para deficientes físicos, com recursos obtidos no Ministério das Cidades.
  • Reforma estrutural do Terminal Central de Integração, envolvendo a recuperação das vigas em concreto protendido, reforço dos pilares e toda a estrutura em geral, com recursos obtidos do Governo do Estado de São Paulo.
  • Investimento em transportes alternativos, com a construção de 4 km de ciclovias no Bairro Vale do Sol, com recursos obtidos no Ministério das Cidades.
  • Implantação da concessão da Rodovia Municipal Araraquara – Matão, envolvendo a construção e operação da praça de pedágio, serviços de atendimento aos usuários, pesagem de veículos, recuperação da pavimentação e sinalização.

COORDENADORIA MUNICIPAL DE TRÂNSITO E TRANSPORTES

Prefeitura Municipal de Araraquara

  • Implantação da Municipalização do Trânsito.
  • Implantação de Sistemas Eletrônicos de Controle de Velocidade.
  • Implantação de Área Azul através de Sistemas Eletrônicos com Parquímetros.
  • Modernização do Sistema de Controle de Tráfego dos Semáforos.
  • Criação do Conselho Municipal de Trânsito.
  • Criação de nova regulamentação dos Sistemas de Controle dos Veículos e dos Motoristas Profissionais dos Serviços de Táxi e de Transporte de Escolares.
  • Criação de Regulamentação para os Serviços de Moto Táxi.
  • Criação do Curso de Direção Defensiva, Primeiros Socorros, Atendimento ao Cliente para os serviços de Moto Táxi.
  • Criação do Projeto de Educação de Trânsito para alunos do 1º grau da rede municipal, estadual e particular, em parceria com a Polícia Militar, com a utilização da Cidade Mirim para as aulas práticas de trânsito.
  • Realização de Campanhas Educativas de Trânsito.
  • Realização do I ao VI CONSETRANS – Concurso de Segurança do Trânsito nas escolas para alunos do 1º e 2º graus da rede municipal, estadual e particular.
  • Implantação de Vagas Exclusivas de Estacionamento para pessoas portadoras de deficiência física.
  • Implantação de Vagas Exclusivas de Estacionamento para pessoas idosas.

TRAFEGAR ENGENHARIA E PARTICIPAÇÕES

Cliente: Rodovia do Sol S/A.

  • Sistemas Inteligentes de Tráfego – Consultoria de ITS na rodovia ES-060, para a Rodosol S/A – extensão de 60 quilômetros, Vitória - 2000.

üEstudo do edital de licitação da concessão do DER/ES;

üElaboração do projeto de localização dos equipamentos;

ü  Elaboração das especificações técnicas do sistema e subsistemas – ITS adequados às necessidades operacionais e contratuais exigidas;

ü  Estudo de alternativas para o projeto da rede de comunicação;

ü  Elaboração das Cartas Convite;

ü  Encaminhamento das Especificações Técnicas aos fornecedores;

ü  Análise das Propostas Técnicas/Comerciais recebidas pela concessionária;

ü  Assessoria Técnica para a Diretoria da Rodosol junto às empresas pré-selecionadas;

ü  Análise técnica e comercial do projeto executivo da rede de comunicação em cabo óptico;

ü  Planejamento de implantação dos equipamentos junto aos diversos fornecedores;

ü  Elaboração da minuta do contrato de fornecimento dos equipamentos;

ü   Gerenciamento e fiscalização da implantação dos seguintes subsistemas: 4 Painéis de Mensagem Variável, 2 Analisadores de Tráfego; 3 Radares Portáteis, 1 Balança Móvel e 7 interseções semaforizadas;

ü  Testes de aceitação dos equipamentos implantados;

ü  Organização da documentação técnica;

ü  Treinamento de operação e manutenção da equipe da concessionária.

Cliente: Barramar Mercantil

  • Rede de Telecomunicação – Gerenciamento de execução das obras civis da rede de dutos de infraestrutura de telecomunicação ao longo das rodovias sob jurisdição do DER/SP – Departamento de Estradas de Rodagem – extensão de 900 quilômetros, São Paulo - 2000.

ü  Fiscalização da execução das obras civis;

ü  Controle de distribuição do material utilizado: dutos, caixas de passagem, etc.;

ü  Acompanhamento dos testes de aceitação;

ü  Emissão de relatórios gerenciais;

ü  Revisão dos desenhos de “as built”.

TRIÂNGULO DO SOL AUTOESTRADAS S/A

Sistemas Inteligentes de Tráfego, Operação, e Pedágio nas rodovias: SP-310, SP-326 e SP–333, para a empresa Triângulo do Sol Autoestradas S/A – extensão total de 442 quilômetros, Matão - 1997 a 1998.

  • Sistemas Inteligentes de Tráfego - Acompanhamento do desenvolvimento dos projetos de ITS, junto à empresa Equatorial Sistemas, para a concessionária:

ü  Call Box;

ü  Painel de Mensagem Variável;

ü  Analisador de Tráfego;

ü  Radar fixo e portátil;

ü  Balança fixa e móvel;

ü  Estação meteorológica;

ü  Circuito fechado de TV;

ü  Rede de telecomunicação.

  • Revisão dos projetos elaborados pela Barramar Mercantil da rede de dutos de infraestrutura de telecomunicações em fibra óptica, envolvendo a locação dos subsistemas e interconexões.
  • Gerenciamento da implantação do Centro de Controle Operacional da malha rodoviária:

ü  Recrutamento e treinamento dos operadores de CCO;

ü  Desenvolvimento dos procedimentos operacionais;

ü  Sistema de rádio comunicação;

ü  Sistema de telefonia (0800);

ü  Software de controle de ocorrências;

ü  Relatórios gerenciais.

  • Gerenciamento da implantação das rotas de inspeção de tráfego:

ü  Recrutamento e treinamento dos Inspetores de Tráfego;

üDesenvolvimento dos procedimentos operacionais;

ü  Escolha dos veículos e material de bordo e de segurança para a inspeção;

üDefinição das rotas para a inspeção nas rodovias.

  • Gerenciamento da implantação do Serviço de Atendimento ao Usuário:

üElaboração das especificações técnicas do serviço de guincho;

ü  Treinamento dos operadores de guincho;

üDesenvolvimento dos procedimentos operacionais;

üAnálise das propostas técnicas e comerciais;

üEscolha dos guinchos do tipo leve e pesado;

üElaboração da minuta do contrato;

  • Gerenciamento da implantação do Serviço de Atendimento Pré-hospitalar e de Resgate:

ü  Elaboração das especificações técnicas envolvendo: veículos, equipamento de bordo e prestação de serviço especializado;

üAnálise das propostas técnicas e comerciais;

üElaboração da minuta do contrato;

ü  Desenvolvimento dos procedimentos operacionais adotados para as equipes;

üFiscalização do serviço prestado pela empresa contratada.

  • Levantamento das características das vias e obras de arte especiais de todos os acessos e trevos ao longo da malha rodoviária (rodovias: SP-310, SP-326 e SP-333), englobando aproximadamente 900 (novecentos) locais.
  • Revisão dos projetos de arquitetura das seguintes edificações: bases de serviço operacional, praças de pedágio e ampliação da sede da concessionária, propondo as adequações operacionais necessárias.
  • Estudo de localização para a implantação das bases de serviço operacional ao longo malha rodoviária.
    • Elaboração mensal de relatórios gerenciais de Operação Rodoviária.
    • Estudos de Pontos Críticos de Acidentes de Trânsito:

üLevantamento estatístico de ocorrências de acidentes;

üPropostas de tratamento dos locais;

üProjetos de sinalização viária e dispositivos de segurança.

  • Cargas Excepcionais - Desenvolvimento, implantação e metodologia para controle e monitoramento do transporte de cargas excepcionais, análise técnica das rotas destes veículos, montagem do esquema operacional junto com a Polícia Rodoviária e acompanhamento da passagem desses veículos na malha rodoviária.
  • Cargas Perigosas - Desenvolvimento, implantação e metodologia para controle, monitoramento e atendimento a acidentes envolvendo veículos de transporte de produtos perigosos, atuando junto com os órgãos do Corpo de Bombeiros, CETESB e Defesa Civil.
  • Pedágio - Gerenciamento da operação de 3 (três) Praças de Pedágio (Araraquara, Agulhas e Catiguá) em operação na Rodovia Washington Luís (SP–310):

üOperação das cabines de arrecadação das praças de pedágio;

üSeleção e treinamento dos Coordenadores de Pedágio;

üLogística do transporte de pessoal operacional;

üManutenção dos equipamentos do sistema de arrecadação.

ATOMst - ALTA TECNOLOGIA EM OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO DE SISTEMAS DE TRANSPORTE

Cliente: Rodovia das Cataratas S/A.

Operação e Pedágio na rodovia BR-227, para a concessionária Rodovia das Cataratas S/A – extensão total de 386 quilômetros, Cascavel - 1997.

  • Consultoria na implantação do Centro de Controle Operacional (CCO) da malha rodoviária:

üTreinamento dos operadores de CCO;

üDesenvolvimento dos procedimentos operacionais;

  • Consultoria na implantação das rotas de inspeção de tráfego:

üTreinamento dos Inspetores de Tráfego;

üDesenvolvimento dos procedimentos operacionais;

üEscolha dos veículos e material de bordo e de segurança para a inspeção;

üDefinição das rotas para a inspeção nas rodovias.

  • Gerenciamento da implantação do Serviço de Atendimento ao Usuário:

üTreinamento dos operadores de guincho;

üDesenvolvimento dos procedimentos operacionais;

üDefinição dos guinchos do tipo leve e pesado.

Cliente: Concessionária da Ponte S.A.

Operação Rodoviária - Consultoria na área de operação de tráfego na rodovia BR–101 (Ponte Rio-Niterói), para a empresa Ponte S/A – extensão total de 23 quilômetros, Niterói 1996 e 1997.

  • Consultoria na implantação do Centro de Controle Operacional (CCO) da Ponte Rio-Niterói:

üTreinamento dos operadores de CCO;

üDesenvolvimento dos procedimentos operacionais;

  • Consultoria na implantação da inspeção de tráfego:

ü  Treinamento dos Inspetores de Tráfego;

ü  Desenvolvimento dos procedimentos operacionais;

ü  Definição dos veículos e material de bordo e de segurança para a inspeção;

  • Consultoria na implantação do Serviço de Atendimento ao Usuário:

ü  Elaboração das especificações técnicas do serviço de guincho;

ü  Treinamento dos operadores de guincho;

ü  Desenvolvimento dos procedimentos operacionais;

  • Consultoria na implantação do Serviço de Atendimento Pré-hospitalar e de Resgate:

ü  Elaboração das especificações técnicas envolvendo: veículos, equipamento de bordo e prestação de serviço especializado;

ü  Análise das propostas técnicas e comerciais;

ü  Elaboração da minuta do contrato;

  • Estudo de ampliação do horário de restrição ao tráfego de caminhões na Ponte Rio-Niterói.

Cliente: Concessionária Via Lagos S.A.

Operação Rodoviária - Consultoria na área de operação de tráfego na rodovia RJ-124, para a concessionária Via Lagos S/A – extensão total de 23 quilômetros, Araruama - 1997.

  • Assessoria técnica para o projeto e implantação da praça do pedágio, operação de tráfego, serviços de atendimento ao usuário: atendimento pré-hospitalar e mecânico.

CONSULTRAFFIC ENGENHARIA E ARQUITETURA LTDA

Cliente: Prefeitura Municipal de Sertãozinho

  • Reforma da Rodoviária “Amadeu Bragueto”, localizada na Avenida Antonio Paschoal;
  • Criação da linha intermunicipal, ligando Sertãozinho a São Paulo, operando pelas empresas: Viação Cometa e Rápido Ribeirão Preto;
  • Gerenciamento do projeto e construção do terminal urbano de passageiros de Sertãozinho, com área de 3000 m2, desenvolvida em estrutura espacial metálica, visando o atendimento de sete linhas urbanas e o distrito de Cruz das Posses;
  • Projeto, implantação e operação de nova rede de transporte coletivo urbano de Sertãozinho, que culminou com o processo licitatório de nova concessão para o transporte público, atendendo a 200 mil passageiros/mês;
  • Implantação de ônibus especial para os portadores de deficiência física, dotado de porta com sistema de elevadores hidráulicos e telefone celular
  • Estudo de compatibilização da duplicação da Rodovia Otávio Verri com o sistema viário do município de Sertãozinho;
  • Projeto de recuperação da rodovia Sertãozinho - Cruz das Posses, envolvendo a parceria da Prefeitura, DER e Usinas de Álcool;
  • Projeto e implantação de sinalizações vertical, horizontal e semafórica nas vias do sistema viário principal e secundário do município;
  • Implantação da Municipalização de Trânsito, envolvendo:

üAssinatura do Convênio com o Governo do Estado;

üCriação do Conselho Municipal de Trânsito e JARI;

üImplantação do Sistema Computacional para o gerenciamento e cobrança das multas de trânsito;

üCurso de treinamento para a Guarda Civil Municipal, objetivando a participação de todo o efetivo na operação e fiscalização do trânsito.

Cliente: Prefeitura Municipal de Itápolis

  • Projetos de nova circulação viária, implantação de sinalizações vertical, horizontal e semafórica, Plano de Orientação de Tráfego e Projetos de Segurança de Trânsito, em 1996.
  • Estudo do Transporte Urbano Municipal, enfocando a alteração de itinerários, novos horários de partida e adequação dos pontos de ônibus, em 1997.

Cliente: Prefeitura Municipal de Holambra

  • Projetos de Ciclovias, Plano de Orientação de Tráfego e Projetos de Sinalizações Vertical, Horizontal e Semafórica - 1995.

INST - INSTITUTO NACIONAL DE SEGURANÇA NO TRÂNSITO

Cliente: Secretaria do Verde e do Meio Ambiente

  • Análise do EIA-RIMA referente ao Impacto Ambiental causado por tráfego de caminhões na área de influência das futuras usinas de incineração de lixo em Santo Amaro e Sapopemba, São Paulo - 1993.

Cliente: Ipiranga Petróleo S/A

  • Programa de Redução de Acidentes no Trânsito para as empresas vinculadas ao Terminal de Armazenagem Conjunta de Paulínia - 1993.

PROTRAN ENGENHARIA S/C LTDA

Cliente: DERSA S/A

  • Estudo de Licenciamento Ambiental do Porto Comercial de São Sebastião - São Paulo - 1993.

Cliente: Construtora Lix da Cunha

  • Anteprojeto do empreendimento do Terminal Rodo - Ferroviário na cidade de Campinas, São Paulo - 1993.

Cliente: CBPO S/A

  • Estudo de interferência no tráfego das obras de saneamento do Interceptor Oceânico do município de Praia Grande, São Paulo - 1988.
  • Estudo de interferência das obras do Metrô da ligação Itaquera - Guaianazes, São Paulo - 1988.

Cliente: Prefeitura Municipal de Santos

  • Estudo do Projeto - Aglurb/Baixada Santista, com atuação no diagnóstico do projeto existente, pesquisa de opinião pública, elaboração de proposta final de reestruturação do trânsito e transportes na área central, Santos - 1986.

CSTC - COMPANHIA SANTISTA DE TRANSPORTES COLETIVOS

Cliente: Prefeitura Municipal de Santos

  • Terminal de Passageiros com Integração Tarifária, Santos - 1992.

DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE TRÂNSITO – DEMUTRAN

Cliente: Prefeitura Municipal de Santos

  • Implantação de 9 km de Faixa Exclusiva de ônibus.
  • Implantação de 40 Projetos de novos traçados geométricos.
  • Implantação de Sinalizações Vertical, Horizontal e Semafórica.
  • Modernização do Sistema de Controle de Tráfego dos Semáforos.
  • Criação do Conselho Municipal de Trânsito.
  • Ampliação do Sistema de Estacionamento Regulamentando - Zona Azul.
  • Informatização do Sistema de Controle dos Veículos e dos Motoristas Profissionais dos Serviços de Táxi e de Escolares.
  • Criação de nova Regulamentação para os Táxis e Transportes de Escolares.
  • Reformulação do Curso de Direção Defensiva para os motoristas da cidade.
  • Criação do Projeto de Educação de Trânsito para alunos do 1º grau do município e ativação da Cidade Mirim para as aulas práticas de trânsito.
  • Realização de Campanhas Educativas de Trânsito em parceria com a iniciativa privada.
  • Implantação de Vagas Exclusivas de Estacionamento para pessoas portadoras de deficiência física, de 1989 a 1992.

CMTC - CIA. MUNICIPAL DE TRANSPORTES COLETIVOS

Cliente: Prefeitura Municipal de São Paulo

  • Estudo de Integração das Linhas de Ônibus Municipais com o Terminal Intermunicipal de São Mateus da EMTU, São Paulo - l989.
  • Estudo de Transferência dos Pontos de Ônibus da área central para o Terminal de Ônibus do Parque D. Pedro, São Paulo - 1989.

CET - COMPANHIA DE ENGENHARIA DE TRÁFEGO

Cliente: Prefeitura Municipal de São Paulo

  • Projeto do Corredor de Ônibus da Av. Santo Amaro com atuação em: desvio de tráfego, operação dos corredores, rotas alternativas, sinalizações horizontal, vertical e semafórica, São Paulo - 1988.
  • Projeto, implantação e operação de Desvio de Tráfego para a execução de obras do Túnel Juscelino Kubitschek - Morumbi, São Paulo - 1987.
  • Projeto, implantação e operação de Desvio de Tráfego para a execução das obras das Avenidas Vereador José Diniz e Águas Espraiadas, São Paulo - l987.
  • Projetos-pilotos de Segurança do Trânsito do tipo: amarelo piscante e refúgio de pedestres, São Paulo - 1985.
  • Projeto SEMCO - Semáforos Controlados por Computador implantados na região central do município de São Paulo, com atuação nas moldagens das redes, programação e locação dos semáforos, São Paulo - 1977.
  • Projeto de Integração Metrô/Trólebus - Linha Pinheiros Santa Cruz, com atuação na elaboração do projeto executivo, São Paulo - 1976.
  • Estudo dos seguintes Polos Geradores de Tráfego: Shopping Center Eldorado, Mappin Itaim, Shopping Center Iguatemi, com atuação nos projetos de geometria dos acessos, circulação do trânsito no entorno, segurança dos pedestres, transportes de carga e vagas de estacionamento, São Paulo, de 1978 a 1988.
  • Projeto, implantação e operação de Faixas Exclusivas de ônibus nos seguintes locais: Av. Dr. Arnaldo, R. Cardeal Arcoverde e R. Teodoro Sampaio, São Paulo - 1977 a 1988.
  • Projeto Geométrico do Terminal de Ônibus Urbano com integração com a Estação de Trem da FEPASA em Pinheiros, São Paulo - 1978.
  • Projeto Geométrico da Av. Paulo VI, ligando o bairro de Pinheiros à Marginal Tietê, São Paulo - 1986.
  • Projeto do Corredor da Av. Rebouças, atuando em consultoria de geometria viária e sinalização semafórica, São Paulo - 1983.
  • Projeto de Operação de Trânsito para o Estádio do Morumbi e Autódromo de Interlagos, atuando na coordenação da implantação e operação, São Paulo - 1980.
  • Projeto de Emergência para as enchentes na cidade de São Paulo, atuando na coordenação da operação, São Paulo - 1978.
  • Projeto Ação Centro de São Paulo, atuando na operacionalização de faixas exclusivas de ônibus e implantação dos calçadões, São Paulo - 1977.

SONDOTÉCNICA ENGENHARIA DE SOLOS

Cliente: EMPLASA S/A

  • Projeto SISTRAN - Sistemas Integrados de Transportes de Passageiros da Região Metropolitana de São Paulo, com atuação nos estudos de redes de transportes, São Paulo - 1975.

Cliente: EMURB S/A

  • Projeto de Estacionamento Rotativo - Zona Azul no centro de São Paulo, com atuação no estudo e pesquisa de rotatividade e projeto executivo, São Paulo -1975.

Cliente: DNER

  • Projeto das Marginais da Via Dutra - trecho São Paulo / Arujá, com atuação no projeto de geotécnica e terraplanagem, São Paulo - 1974.

Cliente: Prefeitura Municipal de São Paulo

  • Participação no projeto do Anel Viário do Município de São Paulo, atuando na área de Quantidades e Custos, São Paulo - 1975.

Cliente: DSV - Departamento de Operação do Sistema Viário

  • Participação nos estudos do Plano de Circulação da área central, atuando nos projetos executivos de sinalizações vertical, horizontal e semafórica, São Paulo - 1974.

CURSOS DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA

Seminário de Planejamento Estratégico – IDORT – 2001.

Programa de Desenvolvimento Gerencial - Universidade de São Paulo - Instituto de Administração, São Paulo - 1991.

Terminais Urbanos, Plano Viário, Ciclovia, Análise de Pontos Críticos, Municipalização do Trânsito, Tarifa de Ônibus Urbano, Regulamentação e Tarifa de Táxi - CEPAN - Fundação Faria Lima, São Paulo - 1989 a 1990.

Noções Gerais de Transportes Públicos - CET, São Paulo - 1984.

Tratamento Preferencial por Ônibus na Engenharia de Tráfego - CET, São Paulo - 1982.

Interseções em Nível e Projeto Geométrico - CET, São Paulo - 1981.

Segurança do Trânsito - CET, São Paulo - 1980.

Transportes Coletivos por Ônibus - Escola de Engenharia Mauá, São Paulo - 1979.

Programação de Semáforos por Computador em Sistema Transity-Onda Verde - CET, São Paulo - 1977.

Manual de Sinalização Urbana e Controle de Qualidade de Projetos - CET, São Paulo - 1977.

Programa de Orientação de Tráfego - CET, São Paulo - 1977.

Interseções Semaforizadas e Equipamentos de Controle de Tráfego - METRÔ, São Paulo - 1976.

Planejamento de Tráfego e Transportes - METRÔ, São Paulo - 1976.

CONGRESSOS E SEMINÁRIOS

4° Seminário de ITS da UITP América Latina.

- São Paulo – SP – Março/2017;

24° Reunião do Fórum Paulista de Secretários e Dirigentes Públicos de Mobilidade urbana.

- São Paulo –SP – Março/2017;

66º Fórum de Debates Brasilianas.Org - A revolução das metrópoles: Como prepará-las para serem cidades agradáveis.

– São Paulo – outubro/2015;

20° Congresso Brasileiro de Transportes e Trânsito – ANTP.

- Santos –SP – Junho/2015;

“Colômbia: Aspectos Urbanos de Transportes e Trânsito”, ministrada pelo Prof. Dr. Arquimedes Azevedo Raia Jr., da UFSCAR – São Carlos – 2008;

2º Seminário Nacional de Sistemas Inteligentes de Transportes - ANTP

– Campinas – julho/2007;

Tecnologia em Monitoramento de Frota do Transporte Público

– Campinas –Novembro/2007;

16º Congresso Brasileiro de Transporte e Trânsito - ANTP

– Maceió –outubro/2007

Fórum de Inovação Tecnológica, Inclusão Social e Redes de Cooperação

– Araraquara – 2005

1º Fórum de Sinalização e Segurança Ferroviária

Palestrante sobre: O município e a interferência das passagens em nível – São Paulo – 2005;

1º Encontro Nacional do MDT – Movimento Nacional pelo Direito ao Transporte

São Paulo – agosto de 2004;

30º Fórum Paulista de Secretários de Transportes Urbanos e Trânsito

Palestrante sobre Área Azul Eletrônica - Ilha Bela – 2004;

29º Fórum Paulista de Secretários de Transportes Urbanos e Trânsito

Palestrante sobre Projetos de Segurança no Trânsito - São Carlos – 2004;

1º Encontro Nacional do MDT – Movimento Nacional pelo Direito ao Transporte

- São Paulo – 2004;

28º Fórum Paulista de Secretários de Transportes Urbanos e Trânsito

Palestrante sobre: Moto Táxi - Campinas – 2004;

Fórum Paulista de Secretários de Transportes Urbanos e Trânsito

 – Santos – 2001;

Seminário sobre Parcerias Público-Privadas

Ribeirão Preto2004;

2º Congresso Latino Americano de Medicina de Tráfego e 4º Congresso Brasileiro de Acidentes e Medicina de Tráfego

Rio de Janeiro – 1999;

1º Congresso Brasileiro de Concessões de Rodovias – Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias

– Guarulhos – 1999;

1º Encontro Paulista de Concessionárias de Rodovias com Atenção ao Atendimento Pré-Hospitalar

– Ribeirão Preto – 1998;

3º Congresso Brasileiro de Acidentes e Medicina de Tráfego

– Fortaleza – 1997;

Workshop sobre “Programa ISO 9000” - Ponte S.A.

– Niterói – 1996;

1º Seminário dos Secretários de Transportes do Estado de São Paulo – ANTP

– São Paulo – 1995;

1º Seminário Nacional de Empresas Públicas de Transportes

– Santos – 1992;

Seminário do 6º Prêmio Volvo de Segurança no Trânsito

– São Paulo – 1992;

Seminário Nacional sobre Municipalização do Trânsito – IBAN – Instituto Brasileiro de Administração Municipal

– Rio de Janeiro – 1991;

8º Congresso Nacional de Transportes Públicos – ANTP

– Fortaleza – 1991;

Seminário do 5º Prêmio Volvo de Segurança no Trânsito

– Curitiba – 1991;

1º Seminário Internacional de Gerência em Riscos em Transportes - ABBR - Associação Brasileira de Gerência em Riscos de Transportes

– São Paulo – 1991;

1º Seminário Metropolitano de Transportes de Organoclorados

– São Vicente, 1989;

1º Seminário sobre Gás Metano e Gás Natural como Combustível para Frota de Táxi

– Santos, 1989;

2º Encontro sobre Experiências Municipais nos Transportes Coletivos do Estado de São Paulo - CEPAN - Fundação Faria Lima

– Campinas – 1987;

1º Encontro sobre Administração Municipal de Trânsito - Secretaria Municipal de Transportes da Prefeitura Municipal de São Paulo

– São Paulo – 1985;

Seminário sobre Revitalização Urbana - Projeto Debates: Santos à Procura de Novos Caminhos – SESC/A Tribuna

– Santos – 1985.

PALESTRAS, DEBATES E ENTREVISTAS.

Palestrante da 1ª Conferência Municipal de Transporte Coletivo, sobre Transporte Atual e Perspectivas – Araraquara, 2001.

Entrevistas nos seguintes programas de televisão: SP TV, RJ TV, Globo Comunidade, da Rede Globo; Jornal da Rede Bandeirantes; Jornal da Manchete e Programa de Domingo, da Rede Manchete.

Ponte Rio – Niterói: Operação de Trânsito, Propostas a curto e médio prazos e implantação da restrição ao tráfego de caminhões - para a Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro, 1998.

Acidentes no Município de Santos - Seminário organizado pela Volvo, onde participaram técnicos vindos de vários Estados do Brasil – Santos, 1990.

Projeto AGLURB/ Baixada Santista - Ação Centro de Santos, sobre Recuperação Urbana e Alteração do Trânsito e Transportes - para a comunidade, prefeito, secretários e vereadores – Santos, 1986.

Operação de Trânsito em São Paulo - para os técnicos do Ministério de Transportes da Venezuela – São Paulo, 1986.

O Trânsito e o crescimento desordenado da cidade de São Paulo - para os formandos da Faculdade de Engenharia de São Paulo – São Paulo, 1986.

ATIVIDADES DIDÁTICAS

Ministrou aula sobre Sistema de Operação de Tráfego da Ponte Rio-Niterói para engenheiros australianos e americanos em visita ao DNER – Niterói, 1997.

Coordenou cursos de Direção Preventiva e Operações de Guincho para funcionários da Ponte S.A. – Niterói, 1997.

Ministrou aulas sobre Implantação de Central de Controle Semafórico, para orientação de tese dos alunos do último ano de Ciência de Computação da Universidade Santa Cecília – Santos, 1996.

Ministrou aulas de Programação, Ajustes e Controladores Semafóricos, para engenheiros dos Órgãos de Trânsito de diversos Estados brasileiros, convênio DENATRAN/EBTU/CET – São Paulo, 1980 a 1983.

Ministrou aulas sobre Sistema Viário e Operação de Trânsito, para engenheiros contratados pela Companhia de Engenharia de Tráfego –CET – São Paulo, 1986.

Ministrou aula de Projeto de Tráfego, para engenheiros do DEMUTRAN de Santos, em visita a CET – São Paulo, 1981.

TRABALHOS E PUBLICAÇÕES

Projetos voltados para a Segurança e Educação no Trânsito, implantados na cidade de Santos, publicados pelo Anuário dos Vencedores do 5º Prêmio Volvo de Segurança no Trânsito – 1991.

Tese de graduação sobre Ampliação de Área de Pedestres no Centro de São Paulo – São Paulo, 1980.

PREMIAÇÕES

Vencedor do5º Prêmio Volvo de Segurança no Trânsito, na Categoria Cidade do Ano, sobre o trabalho desenvolvido no município de Santos – Santos, 1991.

Congratulações da Câmara Municipal de Santos pelo Trabalho realizado junto à Prefeitura Municipal de Santos, na área de Educação de Trânsito, com destaque para o Curso de Aperfeiçoamento de Motoristas e o Projeto Criança e Educação no Trânsito – Santos, 1991.

COMISSÕES

Representante da Frente Nacional dos Prefeitos na Comissão de Transporte Escolar do Ministério da Educação, de 2019 a 2011 – Brasília.

Banner_Vale_Transporte

Banner_NovoCard

Banner_Cat

Banner_HoraBus

Banner_Prefeitura